Notícias Ouvinte Repórter

15/08/11 - 16h34 - atualizada em 17/08/11 às 15h23

Lixo Eletrônico

Um dos maiores problemas para o meio ambiente nos dias de hoje, é tão rápido que um produto fica obsoleto.

O consumismo e as agressivas campanhas de publicidade criam uma expectativa no consumidor de sempre caminhar lado a lado com a evolução da tecnologia. Visto que o comércio de eletro usados não é tão lucrativo e que em algumas vezes a manutenção fica inviável, o descarte destes equipamentos é feita de forma indiscriminada e nociva para nossa saúde.

Um exemplo de falta de informação ou até de descaso, é o descarte de lâmpadas fluorescentes e tubos de imagem de TVs e monitores de computadores, no lixo comum ou em encostas dos bairros. Estes produtos tem em seu interior mercúrio, um metal liquido, que neste caso encontra-se em estado de vapor e contamina o ar, o solo e as águas, sem contar que é altamente cancerígeno. 

A Prefeitura Municipal tem junto a Secretaria de Ecologia e Meio Ambiente, um local onde estes materiais são guardados e depois de uma quantia razoável, destinada para um local onde serão tratadas conforme as normas de conservação do meio ambiente.

Quem tiver computadores, monitores, TVs, rádios, eletroeletrônicos em geral, lâmpadas, pilhas, baterias de celular e afins, e quiser descartar de forma adequada, pode encaminhar este material para a Secretaria de Ecologia e Meio Ambiente, Rua Coronel Emílio Gomes, em frente a Prefeitura.

O meio ambiente agradece, seus filhos e netos mais ainda.

Everson Vieira

Comentários

AO VIVO
AM
20:00 às 22:59 Notícias e Músicas -
FM
22:00 às 23:00 Rainha da Luz - Igreja católica São Miguel e Nossa Senhora da Luz