Notícias Irati e Região

14/01/20 - 23h52 - atualizada em 15/01/20 às 00h00

Intenção de compra cresce 2,22% em Irati

Dado relativo a 2019 revela crescimento na consulta de crédito, por parte do consumidor

Da Redação, com informações da FACIAP 

Dados mostram que na maioria das regiões houve aumento nas intenções de compras dos paranaenses

A região de Irati teve a sexta maior taxa de crescimento de intenção de compra em 2019, se comparada ao ano anterior, de acordo com a Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Estado do Paraná (FACIAP). A Coordenadoria das Associações Comerciais e Empresariais do Centro-Sul do Paraná (CACESUL), baseada em Irati, registrou aumento de 2,22% na quantidade de análises de crédito realizadas.

Em todo o Paraná, foram 900 mil consultas a mais que em 2018, ou um crescimento de 10,66%, contabilizado pela Base Centralizadora Faciap (BCF). Nas consultas, se incluem todas as facilidades oferecidas pela FACIAP, em parceria com o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), para que associações comerciais e empresários concedam crédito de forma mais segura.

O vice-presidente da Rede de Benefícios Faciap, Claudenir Machado, diz que os dados enfatizam que houve crescimento na intenção de compra por parte dos paranaenses ao longo do ano. Ainda que tenha ocorrido variação em alguns momentos, o balanço geral foi positivo. “O nosso banco de dados, que é utilizado pelos comerciantes e lojistas em consultas de análise de crédito de consumidores, é um reflexo das boas vendas que muitos segmentos registraram”, analisa Machado.

Nos dados por região, a de Irati – a Cacesul – registrou o sexto maior crescimento nesse quesito: 2,22%, maior até do que em Curitiba (Cacileste), que teve crescimento de 0,22%. À frente de Irati, ficaram a região de Maringá, representada pela Cacinor, que teve o maior crescimento em análises de crédito: 26,55%. Em segundo, a região de Wenceslau Braz, no Norte Pioneiro (Cacenorpi), com 9,62% de consultas a mais. Na Cacier, de Umuarama, o aumento foi de 6,36%. Na Cacinp, de Londrina, houve alta de 5,21% e, na região de Ponta Grossa (Cacicpar), de 4,69%.

Das 11 Coordenadorias de Associações Comerciais, quatro registraram queda na consulta de crédito ao longo de 2019. A mais acentuada foi na de Paranavaí (Cacinpar), que registrou decréscimo de 18,23%. Em Campo Mourão, onde fica a Cacercopar, a diminuição foi de 3,36% na comparação com 2018. Em Guarapuava (Cacicopar) e em Francisco Beltrão (Cacispar), as quedas foram menos significativas: de 0,79% em Guarapuava e de 0,28% em Francisco Beltrão.

Quer receber notícias pelo WhatsApp?

PUBLICIDADE

Comentários

AO VIVO
AM
05:00 às 08:00 Canta Viola e Polícia é Notícia Tadeu Stefaniak
FM
05:00 às 08:00 Desperta Irati Amilton Ferreira