Notícias Irati e Região

10/12/17 - 21h19 - atualizada em 10/12/17 às 23h09

Grupo de teatro Lanteri realiza apresentação de natal em Rio Azul

Caravana do Natal Encantado passará por outros municípios da região nos próximos dias

Edilson Kernicki, com reportagem de Rodrigo Zub 

A Caravana do Natal Encantado iniciou o tour pela região Centro-Sul na noite de sexta-feira (8) com apresentação em frente à Escola Municipal Vanda Hessel. Várias famílias acompanharam a apresentação do grupo de teatro Lanteri, “Tesouros do Natal”, que aborda um diálogo entre o menino Alex e seu avô, Vibraulino, de 80 anos, em que os dois comparam a evolução das comemorações do Natal entre as gerações.

A coordenadora da Caravana 2, que está passando pela região, Tatiane de Souza, relata que o projeto está em seu sétimo ano e, contando a edição 2017, já passou por 220 municípios paranaenses e foi vista por mais de 460 mil crianças paranaenses. O projeto rendeu à agência CANAL/mkt, no ano passado, a prata como Melhor Ação de Responsabilidade Social na etapa regional do AmproGlobesAwards, o maior prêmio de Live Marketing do mundo, realizado pelo Marketing Agencies AssociationWorldwide (MAAW), que reuniu cases de agências de mais de 25 países.

PUBLICIDADE
A passagem da Caravana busca atrair as famílias para o espírito do Natal e fazer a alegria das crianças, com a presença do Papai Noel, distribuição de brinquedos e doces e apresentação teatral. “Nosso principal objetivo é fazer a união das famílias, trazer as crianças, arrancar sorrisos e proporcionar uma noite de alegria”, diz.

Na apresentação “Tesouros de Natal”, o menino Alex conversa com seu avô Vibraulino, de 80 anos, que mostra ao neto a magia dos natais de outrora, apresentando a ele os brinquedos de antigamente.

“Para nós é um grande prazer fazer teatro e, além do mais, poder fazer isso em cidades pequenas, que sabemos que vêm menos espetáculos teatrais e que as pessoas têm menos acesso. Só por isso já é muito legal e gratificante”, explica a atriz Ciliane Vendrusculo, do grupo teatral Lanteri.

Peça "Tesouros do Natal” aborda um diálogo entre o menino Alex e seu avô, Vibraulino, de 80 anos
O grupo curitibano apresenta a peça “Tesouros de Natal”, que fala sobre o resgate do verdadeiro sentido do Natal e do que ele significa. “Sabemos que hoje o sentido do Natal acabou se deturpando um pouco, acabamos prestando muito mais atenção ao que podemos comprar, o que faz com que acabe perdendo um pouco o sentido das relações familiares. Tem também a questão do resgate dos brinquedos antigos, o que também é super gostoso. Vamos abordando isso de forma bem lúdica, a relação entre o avô e o neto, como ela vai se estabelecendo”, descreve a atriz.

Ciliane destaca que o espetáculo não é voltado apenas para as crianças, porque o adulto também se emociona ao resgatar memórias e lembrar que já foi criança e brincou com aqueles brinquedos mostrados no teatro. “Os adultos que estão com os filhos acabam vendo a emoção e a alegria no rostinho de seus filhos. Para nós, tem sido muito legal. Este é nosso oitavo dia, a oitava cidade por onde passamos e estamos muito felizes”, comenta a artista, que atua ao lado de Agnaldo Sodré e Nalbert.

Prefeito de Rio Azul, Rodrigo Solda, ao lado da coordenadora da Caravana Natal Encantado, Tatiane de Souza
O grupo Lanteri existe há mais de 15 anos e é o responsável pela encenação da Paixão de Cristo na Pedreira Paulo Leminski, em Curitiba, e também atende empresas, fazendo apresentações corporativas. “É o segundo ano que o teatro Lanteri tem o prazer de participar da Caravana do Natal Encantado”, diz.

Ciliane afirma que se identifica bastante com as cidades pequenas que possuem acesso restrito à cultura e às artes em geral. “Desde criança, tinha um olhar sensível para as artes. Venho de uma cidade pequena de Santa Catarina, que também tinha pouco acesso à cultura, mas aquilo que chegava até mim, eu agarrava com todas as minhas forças. Assim que possível, saí de lá para me instrumentalizar e poder estudar e me profissionalizar. Com 17 anos, me mudei para Curitiba para estudar e me formar nessa área, e nunca parei”, relata a artista.

Várias famílias acompanharam apresentação de natal em Rio Azul
A Caravana do Natal Encantado se divide em duas, cada uma delas passa por 20 municípios. Quanto ao critério que define por onde a caravana vai passar, Tatiane explica que as cidades são escolhidas conforme o IDH (Índice de Desenvolvimento Humano). “Normalmente, pegamos municípios que tenham menor índice; municípios que nos enviaram ofício, formalmente, solicitando a caravana. Nesse ano priorizamos municípios que nunca tiveram a caravana presente. Tem alguns municípios que já tiveram, mas há bastante tempo, lá no comecinho do projeto. Neste ano, estamos fazendo o Centro e o Sul do Paraná e a outra caravana está fazendo o Centro e o Norte do Paraná. No total, são 40 municípios, com duas caravanas”, detalha a coordenadora Tatiane.

O prefeito de Rio Azul, Rodrigo Solda, considera que a caravana passou pelo município no melhor momento, em que as crianças estão entrando em férias, assim como alguns pais, o que permite que as famílias ocupem as ruas nesse finalzinho de ano, com sossego. Além disso, com o bônus de ser no feriado municipal de Imaculada Conceição de Maria.

Espetáculo teve duração de 40 minutos
Rio Azul lançou neste ano a campanha “Adote uma árvore e faça um natal mais bonito”, para que os comerciantes enfeitassem as árvores da Praça Tiradentes para o Natal. O prefeito comenta que, em função de não ter sido adotada nenhuma iniciativa parecida nos últimos anos, os comerciantes demoraram um pouco para aderirem à campanha e participarem do concurso, mas que ela serviu para o intuito que era o de resgatar a tradição de iluminar os espaços públicos nessa época do ano. “Tomar a rua e se apropriar dela, para trazer as famílias e o pessoal da cidade, o rio-azulense, para que percebam que dá para nos divertirmos na rua, de um jeito civilizado e fazendo algo de bem, principalmente pelas nossas crianças, que mais precisam de atenção”, diz.

Solda comenta também sua intenção de resgatar as cantatas de Natal – algo que vai ficar para o ano que vem. A programação de final de ano vai encerrar com a festa na Virada do Ano, que já foi aclamada como a maior da região e que, de acordo com o prefeito, promete voltar a ser, como era antes, com show musical e queima de fogos em seguida.

Caravana segue para outras cidades da região

No sábado (9), o município de Inácio Martins acolheu a Caravana do Natal Encantado, na Praça Municipal. A caravana passou por Irati neste domingo (10), na Rua da Cidadania. Na segunda (11), não haverá apresentação. Na terça (12), os imbituvenses recebem a caravana na Praça Deodoro Newton Diedrichs, em frente à Igreja Matriz de Santo Antônio. Na próxima quarta (13), será a vez de Prudentópolis, onde a caravana se apresenta na Praça Firmo Mendes de Queiroz, atrás do Corpo de Bombeiros.

Até o dia 22 de dezembro, quando se encerram as apresentações, a caravana 2 – com o grupo Lanteri – ainda passa pelos municípios de Ipiranga (14), Ponta Grossa (15), Mauá da Serra (16), Marilândia do Sul (17), Rolândia (18), Quatiguá (20), Sengés (21) e Tibagi (22). Ao todo, as duas caravanas vão passar por 40 municípios paranaenses.

Confira mais fotos da apresentação


Comentários

AO VIVO
AM
09:00 às 10:00 Espaço Cidadão Paulo Sava
FM
09:00 às 11:30 Sintonia Máxima Nilton Luy