Notícias Irati e Região

08/09/18 - 11h26 - atualizada em 08/09/18 às 11h40

Aconteceu: Licitação da PR-364 foi suspensa

Delegado contou detalhes da prisão de "serial killer" que matou mulheres em Irati e Teixeira Soares. Ouça as reportagens que foram destaque em nossa programação durante a semana

Primeiro júri popular por feminicídio em Teixeira Soares condena autor de crime a 16 anos de prisão

O Tribunal do Júri de Teixeira Soares condenou a 16 anos e seis meses de reclusão o autor do homicídio da massagista Licelia do Carmo, de 43 anos. Ela foi encontrada morta em casa, na Vila Nova, em Teixeira Soares, na manhã do dia 24 de junho de 2015. Trata-se do primeiro caso qualificado como feminicídio levado a júri popular na cidade. 

O feminicídio é uma qualificadora do crime de homicídio, quando este é cometido em razão da condição do sexo feminino da vítima. Segundo o Ministério Público, o autor Willyan Charles de Moraes tinha um caso amoroso com a vítima, que morava sozinha. 

O condenado já cumpre pena de 20 anos de reclusão, na Penitenciária de Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba, pela autoria de outro homicídio: cometido contra a ex-mulher dele, Danielly Fernandes Domingues, de 24 anos, que morava no Jardim Planalto, em Irati, e foi morta com um tiro no olho esquerdo, no dia 10 de maio de 2015, ou seja, 45 dias antes do crime em Teixeira Soares.

Em entrevista a nossa reportagem, o Delegado de Teixeira Soares, Rodrigo da Silva Cruz, contou detalhes da investigação. A entrevista foi gravada por Rodrigo Zub.

Licitação da PR-364 foi suspensa

O Governo do Estado mobilizou a equipe técnica do DER para que a abertura dos envelopes das propostas para a pavimentação da PR-364, entre Irati e São Mateus, ocorra no menor prazo possível.

Esta etapa estava prevista para acontecer no último dia 31 de agosto, mas foi suspensa pelo Tribunal de Contas do Estado. O órgão acatou questionamento de uma das 15 empreiteiras interessadas em realizar a obra.

O DER já esclareceu que o edital da PR-364 é o mesmo que permitiu a contratação da empresa que vai pavimentar a PR-239, entre Mato Rico e Pitanga.  
Ouça a reportagem e entenda os trâmites que impediram a realização da licitação.  

Primeiro quilômetro da pavimentação de Angaí é concluído

A prefeita de Fernandes Pinheiro, Cleonice Schuck (PSB), comemora o avanço da obra de pavimentação do trecho de 4,5 km entre a comunidade do Angaí e a BR-277. A Construtora Tangará concluiu o primeiro quilômetro de asfalto, que corresponde a pouco mais de 20% do trecho. A expectativa é a de que a obra seja concluída até novembro.

A prefeita falou a respeito da obra em participação no programa “Meio Dia em Notícias”

Irmão e advogado falam sobre homicídio de Ivanilda Kanarski

O assassinato de Ivanilda Kanarski, de 30 anos, ocorrido no Parque Aquático de Irati no dia 26 de julho, completou um mês na semana passada. O crime causou muita comoção na cidade. Ivanilda foi morta na frente dos filhos e do irmão Romildo, que também sofreu uma tentativa de homicídio naquele dia.

O acusado, João Fernando Nedopetalski, de 36 anos, marido da vítima, foi preso em flagrante por um policial militar que estava de folga e ouviu os tiros. Ivanilda chegou a ser socorrida, mas morreu ao dar entrada na Santa Casa de Irati. No início de agosto, o delegado Paulo César Eugênio Ribeiro entregou o inquérito para o Ministério Público, que apresentou denúncia.

Romildo Kanarski, irmão da vítima, falou com a Najuá sobre os dias que antecederam o crime. Ele relata que Ivanilda havia se separado do acusado na segunda-feira, dia 23 de julho, três dias antes do crime. No dia 24 de julho, Ivanilda foi levada pelo ex-marido até a casa de sua mãe, na localidade de Faxinal do Rio do Couro. Na ocasião, ele teria afirmado que iria para Curitiba com os filhos do casal.

Procurado por nossa reportagem, o delegado da Polícia Civil de Irati, Paulo César Eugênio Ribeiro preferiu não gravar entrevista. O advogado de defesa do acusado, Adriano Minor Uema, disse que vai aguardar a liberação das imagens das câmeras de segurança do local para se manifestar sobre o caso.

Confira a entrevista gravada por Paulo Henrique Sava.

Ingresso de Irati ao SAMU terá de esperar

A Câmara de Irati enviará um pedido de informações ao Conselho Municipal de Saúde para saber se houve consulta ou deliberação sobre o ingresso do município no Consórcio Intermunicipal do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência dos Campos Gerais - CIMSAMU.

Confira esse e outros assuntos que foram destaque na sessão da Câmara de Irati realizada na terça-feira, dia 4, na reportagem de Jussara Harmuch


Comentários

AO VIVO
AM
00:00 às 05:00 Rede Milícia da Imaculada Rede Milícia Sat
FM
00:00 às 04:00 Najuá Night Club Programação Najuá