Esportes Futebol

16/05/17 - 15h41 - atualizada em 16/05/17 às 20h32

Título do Campeonato Interbairros fica com a equipe do Canisianas

Canisianas venceu Lagoa, nos pênaltis, após dois empates nas partidas decisivas da competição

Rodrigo Zub

Jogadores do Canisianas festejando o título
A equipe do bairro Canisianas conquistou o título do Campeonato Interbairros de Irati. A competição foi decidida somente nos pênaltis, após dois empates nas partidas decisivas. O segundo duelo da final ocorreu na tarde de sábado, 13, no estádio Municipal Abrahm Nagib Nejm.

OBS: Confira no fim do texto as fotos da cerimônia de premiação

Lagoa e Canisianas empataram por 3 a 3. No tempo normal, Leonardo Rigoni, que atua na equipe Sub-19 do Iraty, abriu o placar para o Canisianas, aos 14 minutos. O meio-campista levantou a bola para a área numa cobrança de falta, mas acabou surpreendendo o goleiro Anderson, que não conseguiu evitar o gol.

Equipe do bairro Lagoa ficou com o vice-campeonato
Com a vantagem no marcador, a equipe do Canisianas recuou e passou a ser ameaçada pelo rival, que teve o controle da posse de bola. A pressão do Lagoa deu resultado aos 35 minutos. Gilmar empatou o confronto em 1 a 1. Antes do intervalo, Adriano Gil cometeu uma falta e recebeu cartão amarelo. O atleta contestou a marcação do árbitro Romildo Kanarski e acabou sendo punido com o segundo amarelo. Com a expulsão do zagueiro, o Lagoa passou a atuar com um jogador a menos.

O Canisianas aproveitou a superioridade numérica e desempatou a partida logo no começo do segundo tempo. Bruno Oconski, o “Chuchu”, fez o segundo gol das Canisianas, aos 8 minutos. Esse foi o oitavo gol do atacante, que terminou como artilheiro da competição.

No tempo normal, Lagoa e Canisianas fizeram jogo disputado que terminou empatado por 3 a 3
Aos 15 minutos do segundo tempo, mais dois jogadores foram expulsos. Bininho, do Lagoa, e Leonardo Rigoni, do Canisianas, receberam cartões vermelhos após um desentendimento. Com isso, o Lagoa ficou com apenas nove atletas e o Canisianas passou a atuar com dez homens.

As expulsões não foram empecilhos para que o Lagoa buscasse o ataque e chegasse a virada. Mesmo atuando sem os dois zagueiros titulares, o time marcou dois gols num intervalo de dez minutos. Daciel empatou a partida em cobrança de pênalti, aos 23 minutos. Ronaldo Makiolki saiu do banco de reservas para marcar o terceiro gol aos 33 minutos. O resultado estava garantindo o título para o bairro Lagoa.

Faltando quatro minutos para o fim do jogo, Bruno Rigoni igualou novamente o marcador e definiu o placar final de 3 a 3.

Após o empate nos 90 minutos, a decisão foi para os pênaltis. No jogo de ida, Canisianas e Lagoa haviam empatado por 1 a 1. Nas penalidades, o Canisianas levou a melhor e conquistou o título ao vencer por 3 a 1.

O time comandado por Márcio Bastos (Mico) converteu três das quatro cobranças efetuadas. Bruno Rigoni, Fábio e Abobrão fizeram para o Canisianas. Dieguinho foi o único a desperdiçar ao parar no goleiro Anderson. 

Ficha Técnica:

2º jogo da final do Campeonato Interbairros

Data: 13/05/2017 

Local: Estádio Municipal Abrahm Nagib Nejm 

Lagoa 3x3 Canisianas

Pênaltis: Lagoa 1x3 Canisianas

Cartões amarelos: Adriano Gil, Diego, Gilmar, Kleber e Ronaldo Juchoki (Lagoa); Bruno Oconski, Coruja, Ruan e Thiago Rodrigues. 

Cartões vermelhos: Adriano Gil e Bininho (Lagoa); Leonardo Rigoni, Bruno Oconski e Bruno Rigoni (Canisianas)

Árbitro: Romildo Kanarski

Assistentes: Marco Antônio dos Santos Pepe e Rodrigo Kanarski

Representante: Isis Bernadete Azevedo

Gols: Gilmar, Daciel e Ronaldo Makiolki (Lagoa); Leonardo Rigoni, Bruno Oconski e Bruno Rigoni;

Lagoa: Anderson, Rafinha, Adriano Gil, Bininho e Taquari; Diego, Gilmar, Amauri e Lucas (Willian); Cruizinha (Ronaldo Makiolki) e Daciel (Padeiro). Técnico: Antonio Osni.

Canisianas: Abel, Thiago Rodrigues (Coruja), Luiz Antonio, Jorge e Reinaldo (Ruan); Fábio, Leonardo Rigoni, Alessandro e José Antonio (Julian); Bruno Rigoni e Bruno Oconski. Técnico: Márcio Bastos (Mico).

No lado do Lagoa, Amauri converteu, enquanto que Gilmar e Rafinha chutaram nas mãos de Abel. Na cobrança decisiva, Diego chutou para fora e decretou o triunfo do Canisianas. 

Cerimônia de premiação

Depois do encerramento da partida decisiva foi realizada a cerimônia de premiação, que contou com as participações do secretário de Esportes e Lazer de Irati, Antonio Celso de Souza (Xoxolo), e do diretor da pasta Moisés Neves.

O goleiro menos vazado foi Gilsinho, do Jardim Aeroporto/Sanhacinho, que sofreu apenas seis gols na competição. O artilheiro foi Bruno Oconski, o “Chuchu”, com oito gols. Ambos receberam medalhas pelas premiações individuais.

A equipe do Lagoa foi a mais disciplinada ao receber somente 21 cartões amarelos e dois vermelhos. Durante a competição foram distribuídos 207 cartões amarelos e 24 vermelhos. O ataque mais positivo foi do Canisianas com 29 gols. Durante o Campeonato Interbairros, foram marcados 175 gols em 36 jogos disputados, média de 4,86 gols por partida. O número de dirigentes inscritos foi de 33 e o de atletas envolvidos 395.

Resumo da competição

O Campeonato Interbairros de Irati teve a participação de 16 equipes: Canisianas, Lagoa, Jardim Aeroporto/Sanhacinho, Alto da Lagoa/ADL, Riozinho/Guarani, Nhapindazal, Rio Bonito/Paysandu, Lagoa Azul, Vila São João/Sanhaço, Pedreira, Rio Bonito/CSA, Vila Nova, Alto da Lagoa/União, Vila São João/Labamba, Centro e Rio Bonito/Nacional.

A competição começou no dia 18 de fevereiro e foi encerrada em 13 de maio.

A classificação final da competição ficou da seguinte forma:

Campeão: Canisianas;
Segundo colocado: Lagoa;
Terceiro lugar: Jardim Aeroporto/Sanhacinho;
Quarto lugar: Alto da Lagoa/ADL;

Os locais utilizados para a competição foram: Estádio Municipal Abrahm Nagib Nejm, Fioravante Slaviero (Olímpico) e Alberto Viante (Guarani).

O Campeonato Interbairros deste ano homenageou o desportista Antonio Pacheco, o “Tarzan”.


Comentários

AO VIVO
AM
08:00 às 09:00 Rádio Negócios Amilton Ferreira
FM
08:00 às 08:40 Café com Notícias Paulo Sava e Rodrigo Zub