Entretenimento Cultural

05/10/17 - 21h58 - atualizada em 05/10/17 às 22h09

Casa da Cultura de Góes Artigas promove Mostra de Cinema Xavante

Mostra acontece de 18 a 20 de outubro e apresenta a produção audiovisual indígena

Da Redação

Programação da Mostra de Cinema Xavante
A Casa da Cultura de Góes Artigas, em Inácio Martins, promove nos dias 18, 19 e 20 de outubro a “Mostra de Cinema Xavante: Ver, Ouvir e Debater”. A iniciativa será realizada em parceria  com o Colégio Estadual Parigot de Souza, o Colégio Estadual do Campo Áurea Aparecida Lopes, com apoio da Coordenação Regional Xavante da Fundação Nacional do Índio (FUNAI).

O evento traz como objetivo difundir a produção audiovisual indígena, sobretudo a do povo Xavante, a fim de criar um espaço de reflexão e de educação sobre a realidade indígena do Brasil e, assim, contribuir para reduzir preconceitos e desinformação sobre os povos originários na sociedade brasileira.

Programação

Ao longo dos três dias de mostra, serão exibidos quatro curta-metragens e três média-metragens brasileiros com temática indígena, em três diferentes locais.

Na quarta (18), às 14h, na Casa da Cultura, serão exibidos os filmes “Piõ Hõimanazé – A mulher xavante em sua arte” (52 minutos, 2008) e “Uma Casa Uma Vida” (24 minutos, 2013).

Na quinta (19), às 10h, serão apresentados mais dois filmes, no Colégio Estadual do Campo Áurea Aparecida Lopes: “Tsõ’rehipãri – Sangradouro” (28 minutos, 2009) e “Índio Cidadão?” (52 minutos, 2013).

PUBLICIDADE
A mostra se encerra na sexta (20), quando serão exibidos dois curtas e um média-metragem, no Colégio Estadual Parigot de Souza: “Homem Branco em Marãiwatsédé” (12 minutos, 2011); “A Terra Não Termina” (15 minutos, 2012) e “A’uwe Uptabi – O Povo Verdadeiro” (32 minutos, 1998).

Para os debates do evento foram convidados: a cientista social Lays Gonçalves dos Santos (Indígenas na Universidade); a antropóloga Linda Gonzales Cárdenas (Guarani Mbyá – Argentina); um representante da Terra Indígena Rio de Areia e o extensionista rural Osvaldir Pereira (Centro Turístico Cultural Guarani Mbyá) e terá mediação da antropóloga Taísa Lewitzki.

Casa da Cultura de Góes Artigas

Inaugurada em janeiro, onde antigamente era a Vila Ferroviária da Comunidade Rural de Góes Artigas, no interior de Inácio Martins, a Casa da Cultura foi criada para ser um espaço de vivência comunitária. Além de promover eventos culturais e de possuir uma biblioteca, o local também abriga uma cozinha comunitária para o grupo de agricultores; o Banco de Sementes Crioulas; a Bodega da Economia Solidária, para a venda de produtos não perecíveis e, semanalmente, ocorre a Feira da Economia Solidária, com a venda de hortaliças.

Uma das propostas culturais do espaço é o Cine Prosa, que apresenta aos sábados filmes e documentários com temáticas relacionadas à Educação Popular.

A Casa da Cultura fica em Góes Artigas, na zona rural de Inácio Martins, no km 59 da PR-364. Outras informações pelo e-mail casadacultura.goesartigas@gmail.com e na fanpage da Casa da Cultura no facebook.    

Casa da Cultura fica na antiga Vila Ferroviária da Comunidade Rural de Góes Artigas, em Inácio Martins

Comentários

AO VIVO
AM
19:30 às 23:59 Conexão com a Rádio Banda B de Curitiba Jornalismo e Esporte da Banda B
FM
20:00 às 23:59 Najuá e Você Programação Najuá